Categoria: Emagrecimento

Recomendações para perder peso: 50 dicas para dietas

Recomendações para perder peso: 50 dicas para dietas

O que fazer quando a calça aperta? Uma das dietas da moda? Siga o conselho de um amigo? Tenha cuidado! Se você quer perder peso, tenha em mente que nem todos os conselhos sobre dieta são bons. Ouça o seu bom senso e seja cético se você é recomendado para beber regularmente o vinagre de maçã. Ou se você receber o conselho de sempre comer em pé. Em geral, esse tipo de coisa é inútil.

Esqueça as dietas milagrosas que prometem perder peso em tempo recorde: na verdade, elas são inúteis. Ok, talvez se você segui-los literalmente, você perde peso, mas você sabe quais são as consequências da perda de peso abrupta e rápida? Além de ser capaz de colocar sua saúde em risco ou recuperar seu peso rapidamente, este tipo de dieta não ensina como comer. Não ensina a adquirir hábitos alimentares saudáveis.

No entanto, existem muitos truques e dicas para perder peso que ajudam uma dieta a funcionar. Recomendações para perder peso que facilitam o seu caminho, ensinam como comer e evitam ataques de fome à tarde.

Nas páginas seguintes, você encontrará as 50 melhores dicas para dietas. Para que os quilos extras desapareçam, você também deve mudar sua dieta de longo prazo. Coma dois pedaços de fruta por dia e três porções de vegetais. Eles têm poucas calorias, mas ainda preenchem e, além disso, contêm muitas vitaminas e minerais. Também tente integrar produtos mais integrais no seu dia a dia. Experimente, por exemplo, a massa integral.

Leia também: Womax gel lipo funciona

E leia os rótulos sempre que for fazer compras. Existem muitos produtos no super que tentamos esticar. Você provavelmente acha que o presunto cozido leve que você toma é a melhor opção, mas nós encorajamos você a ler seus ingredientes: surpreso? Como você fica sabendo que contém apenas 50% de carne? E o resto, o que é então? Bem, sal, amido, açúcar e substâncias que não favorecem a perda de peso ou boa nutrição. Então, tenha cuidado! É muito importante saber o que compramos e o que comemos, porque muitos alimentos que acreditamos serem saudáveis ​​são disfarçados como produtos processados.

No final, a maneira mais eficaz de perder peso é o conhecimento. Saber o que os alimentos nos trazem, que nutrientes eles têm, como combiná-los … Ninguém disse que era fácil. E muito menos rápido. Portanto, seja paciente e aproveite o caminho para uma melhor nutrição. Aqui estão algumas recomendações para perder peso que podem ajudá-lo a alcançar seu objetivo. Coragem, você pode conseguir!

5 pílulas de perda de peso popular e suplementos avaliados

5 pílulas de perda de peso popular e suplementos avaliados

A Healthline e nossos parceiros podem receber uma parte das receitas se você fizer uma compra usando um link nesta página.
Existem muitas soluções de perda de peso diferentes lá fora.

Leia também: Womax funciona

Isso inclui todos os tipos de pílulas, medicamentos e suplementos naturais.

Estes são reivindicados para ajudá-lo a perder peso, ou pelo menos facilitar a perda de peso combinada com outros métodos.

Eles tendem a trabalhar através de um ou mais desses mecanismos:

Reduza o apetite, fazendo com que você se sinta mais cheio, para que você coma menos calorias
Reduza a absorção de nutrientes como gordura, fazendo com que você ingira menos calorias
Aumentar a queima de gordura, fazendo você queimar mais calorias
Aqui estão os 12 comprimidos de perda de peso mais populares e suplementos, revistos pela ciência.

1. Extrato de Garcinia Cambogia
Garcinia cambogia tornou-se popular em todo o mundo depois de ser apresentado no show Dr. Oz em 2012.

É uma fruta pequena e verde, com a forma de uma abóbora.

A casca da fruta contém ácido hidroxicítrico (HCA). Este é o ingrediente ativo do extrato de garcinia cambogia, que é comercializado como uma pílula de dieta.

Como funciona: estudos em animais mostram que ela pode inibir uma enzima produtora de gordura no corpo e aumentar os níveis de serotonina, ajudando potencialmente a reduzir os desejos (1, 2).

Eficácia: Um estudo com 130 pessoas comparou garcinia contra um placebo. Não houve diferença no peso ou percentual de gordura corporal entre os grupos (3).

Uma revisão de 2011 que analisou 12 estudos sobre garcinia cambogia descobriu que, em média, causou perda de peso de cerca de 2 libras (0,88 kg) durante várias semanas (4).

Efeitos colaterais: Não há relatos de efeitos colaterais graves, mas alguns relatos de problemas digestivos leves.

LINHA DE FUNDO:
Mesmo que a garcinia cambogia cause uma modesta perda de peso, os efeitos são tão pequenos que provavelmente nem serão notados.
2. Hydroxycut
O Hydroxycut existe há mais de uma década e atualmente é um dos suplementos de perda de peso mais populares do mundo.

Existem vários tipos diferentes, mas o mais comum é chamado simplesmente de ‘Hydroxycut’.

Como funciona: Ele contém vários ingredientes que são reivindicados para ajudar na perda de peso, incluindo cafeína e alguns extratos de plantas.

Eficácia: Um estudo mostrou que causou 21 libras (9,5 kg) de perda de peso durante um período de 3 meses (5).

Efeitos colaterais: Se você é sensível à cafeína, pode sentir ansiedade, tremores, náusea, diarréia e irritabilidade.

LINHA DE FUNDO:
Infelizmente, há apenas um estudo sobre este suplemento e nenhum dado sobre a eficácia a longo prazo. Mais pesquisas são necessárias.
3. Cafeína
A cafeína é a substância psicoativa mais comumente consumida no mundo (6).

É encontrado naturalmente no café, no chá verde e no chocolate amargo, e é adicionado a muitos alimentos e bebidas processados.

A cafeína é um impulsionador do metabolismo bem conhecido e é frequentemente adicionada aos suplementos comerciais de perda de peso.

Como funciona: Estudos de curto prazo mostraram que a cafeína pode aumentar o metabolismo em 3-11% e aumentar a queima de gordura em até 29% (7, 8, 9, 10).

Eficácia: Existem também alguns estudos mostrando que a cafeína pode causar perda de peso modesta em humanos (11, 12).

Efeitos colaterais: Em algumas pessoas, altas quantidades de cafeína podem causar ansiedade, insônia, nervosismo, irritabilidade, náusea, diarréia e outros sintomas. A cafeína também é viciante e pode reduzir a qualidade do seu sono.

Não há necessidade de tomar um suplemento ou uma pílula com cafeína. As melhores fontes são café de qualidade e chá verde, que também têm antioxidantes e outros benefícios para a saúde.

LINHA DE FUNDO:
A cafeína pode estimular o metabolismo e aumentar a queima de gordura a curto prazo. No entanto, uma tolerância aos efeitos pode se desenvolver rapidamente.
4. Orlistat (Alli)
Orlistat é uma droga farmacêutica, vendida sem receita médica sob o nome Alli e sob prescrição médica como Xenical.

Como funciona: Esta pílula de perda de peso funciona inibindo a quebra de gordura no intestino, fazendo com que você ingerir menos calorias de gordura.

Eficácia: De acordo com uma grande revisão de 11 estudos, o orlistat pode aumentar a perda de peso em 6 libras (2,7 kg) em comparação com uma pílula fictícia (13).

Outros benefícios: O Orlistat demonstrou reduzir ligeiramente a pressão arterial e reduziu o risco de desenvolver diabetes tipo 2 em 37% num estudo (14, 15).

Efeitos colaterais: Esta droga tem muitos efeitos colaterais digestivos, incluindo fezes oleosas e soltas, flatulência, evacuações freqüentes que são difíceis de controlar e outras. Pode também contribuir para a deficiência de vitaminas lipossolúveis, como as vitaminas A, D, E e K.

Geralmente é recomendado seguir uma dieta com baixo teor de gordura ao tomar orlistat, a fim de minimizar os efeitos colaterais.

Curiosamente, uma dieta baixa em carboidratos (sem drogas) tem se mostrado tão eficaz quanto o orlistat e uma dieta com baixo teor de gordura combinados (16).

LINHA DE FUNDO:
Orlistat, também conhecido como Alli ou Xenical, pode reduzir a quantidade de gordura que você absorve da dieta e ajuda a perder peso. Tem muitos efeitos colaterais, alguns dos quais são altamente desagradáveis.

Fonte: https://www.valpopular.com/womax-funciona/

Você sabia que a organização ajuda no emagrecimento?

Você sabia que a organização ajuda no emagrecimento?

Você sabia que a organização ajuda no emagrecimento?

TEMPO DE LEITURA: 4 MINUTOS

Você já parou para pensar como a desorganização à sua volta pode dificultar que você viva de forma mais saudável, com melhor qualidade de vida e possuindo o corpo que você deseja?

O mau gerenciamento do seu tempo ou a bagunça na cozinha ou na sala de jantar pode ter relação direta na maneira como você lida com seu corpo e sua saúde.
Quando resolvemos fazer uma limpeza geral ou colocar as coisas em ordem e eliminar a bagunça , não se trata apenas de jogar coisas fora , mas sim de buscar a vida que você quer viver, a vida que você merece desfrutar.

Isto também é verdade quando queremos perder peso: não se trata apenas de jogar alguns quilos fora , mas sim de tentar buscar a vida que desejamos, num corpo que nos faça sentir bem.

Saiba mais: Kifina benefícios

Para Peter Walsh, autor Best Seller nos USA, dietas não funcionam. Ele acredita que o segredo para conseguir perder peso é parar de preocupar-se com contagem de calorias e começar a focar em como, porque e onde você come.

Quando estive na 20ª conferência da NAPO , Associação Nacional de Profissionais de Organização nos USA. Eram quase 1000 pessoas no evento, sendo 90% do sexo feminino. Apesar do alto índice de mulheres obesas nos USA, encontrei pouquíssimas “gordinhas” circulando por ali, um sinal talvez, de que a organização contribui mesmo para que tenhamos uma silhueta mais esbelta.

Neste evento, Peter Walsh foi um dos palestrantes principais, e eu tive a oportunidade e a satisfação de um dia sentar na mesma mesa a seu lado para o jantar. Pude conversar um pouco com Peter sobre seu mais recente livro “Does This Clutter Make My But Look Fat?”, algo como: Será que esta bagunça está deixando meu traseiro mais gordo? , sem lançamento previsto para o Brasil.

Suas idéias sobre como a desorganização na vida das pessoas pode ter um impacto direto na forma como elas comem e lidam com sua própria saúde, são realmente muito interessantes e vem ao encontro de vários conceitos que temos defendido em nossos treinamentos.

Podemos detectar situações claras onde a desorganização pessoal reflete diretamente no seu peso:
Pular refeições faz você engordar, comer de forma apressada faz você engordar, comer na frente da TV porque a mesa de jantar está sem espaço faz você engordar, comer “junk food” por “falta de tempo” faz você engordar, pedir pizza à noite porque não se organizou para o supermercado, faz você engordar, manter roupas “largas” no armário faz você engordar, manter a despensa desorganizada faz você engordar.

Na verdade eu poderia fazer uma lista de algumas páginas, descrevendo atitudes e hábitos, que podem em pouco tempo detonar com seus planos de viver de forma mais saudável.

A bagunça ou a desorganização à sua volta interfere na sua maneira de viver. Dificulta a respiração, dificulta a locomoção, dificulta que você enxergue de forma clara e impede que você fique focada e motivada.

• Você precisa organizar e limpar externamente, se quiser organizar e limpar-se internamente, obtendo um corpo que a faça sentir-se bem.Pensando assim, não precisamos de muita análise para concluir porque a maioria das dietas termina em redundantes fracassos. A questão não está no método ou tipo de dieta que se utiliza, mas sim no fato de você organizar-se para segui-la, entender a importância e a qualidade daquilo que come e dar um sentido às suas refeições.

• Você deve estar consciente quanto à forma que quer viver e quanto ao corpo que deseja e tomar decisões coerentes. Dizer que não tem tempo de fazer exercícios, mas passar diariamente 2 horas na frente da TV ou na sala de bate papo no computador não parece uma atitude coerente, parece?

• Outro ponto interessante a ser mencionado é a relação existente entre consumo, bagunça e quilinhos a mais. Nós consumimos (e gastamos) demais, acumulamos coisas demais e comemos (e bebemos) coisas demais. Mesmo já estando difícil lidar com o acúmulo de coisas em nossas vidas ou com a falta de espaço em nossos armários, continuamos a comprar mais sapatos e camisas. Mesmo com nosso tempo escasso e pressionado, continuamos a assumir compromissos e responsabilidades.

Da mesma forma, mesmo estando insatisfeitos com nossos corpos, continuamos a comer desordenada e inadequadamente.

Chá de gengibre com limão é diurético e acelera a queima de calorias

Chá de gengibre com limão é diurético e acelera a queima de calorias

“Sequei 33 kg com o chá de gengibre com limão. Troquei o refrigerante por essa bebida geladinha e conquistei um novo corpo em apenas 6 meses!”,
“Eu já não aguentava mais as reclamações da minha mãe para eu sair de casa e ir caminhar. Em uma manhã de agosto de 2012 botei o tênis e fui andar. Depois de três quarteirões, achei que fosse morrer! Senti um formigamento forte no pé direito. Ele perdeu a sensibilidade e os movimentos. Desesperada, sentei no meio-fio e me lembrei do histórico de saúde da minha família, cheio de casos de trombose.

Me levantei, liguei para a minha mãe e pedi para ser resgatada. “Filha, isso foi um aviso! Você precisa cuidar da sua saúde, acorde enquanto é tempo!”, aconselhou minha mãe, tão assustada quanto eu. Graças a Deus, meu caso não era de trombose, mas de má circulação por causa do meu peso – mais de 90 kg – e do sedentarismo. Só então enxerguei que minha vida e minha saúde estavam em risco!”

Leia também: chá de gengibre é bom

“Quem me ama que me aceite!”
Sofri uma avalanche de emoções no começo de 2007: tive uma briga com meu pai, vivia sob pressão para o vestibular e meu namorado terminou comigo de repente. Me tranquei em casa e compensei minhas angústias na comida. Meu único consolo era o pote de sorvete. E assim segui nos cinco anos seguintes. Nesse período, passei na faculdade, encontrei um novo amor e fiz as pazes com meu pai. Mas desencanei de cuidar de mim.

Eu saía de casa sem me olhar no espelho, com a roupa que mais escondesse o meu corpo. Minha mãe pagou academia, nutricionistas, endocrinologistas, tratamentos estéticos e fez de tudo para me motivar a emagrecer. Mas eu só queria comer e ficar em paz! E ainda tinha uma rotina péssima: quando ia para a faculdade, chegava em casa e assaltava a geladeira. Acordava tarde e passava o dia no sofá ou no computador, estudando e comendo. Nessa, cheguei aos 91 kg!

Lá no fundinho, eu sabia que estava me boicotando. Por isso, decidi mudar drasticamente meu cardápio, cortando 100% de frituras, refrigerantes, farinha branca e doces. Decidi que comeria tudo integral, muitas frutas, legumes e verduras. E foi para substituir minha loucura por refrigerante que criei meu grande parceiro de dieta: o chá de gengibre com suco de limão! Bebia 1 litro ao longo do dia, sempre bem geladinho. A bebida acelerou o meu emagrecimento, reduziu o inchaço e ainda acabou com minha ansiedade! Ao mesmo tempo, criei dois hábitos importantíssimos: caminhar pelo menos uma hora todos os dias e anotar tudo que eu comia ao longo do dia, como se fosse um diário. Minha transformação durou seis meses. Perdi 33 kg!”

Chá de gengibre com limão é diurético e acelera a queima de calorias
Foto: Getty Images

A dieta do chá de gengibre com suco de limão
O chá de gengibre com suco de limão é uma aposta certeira para quem quer emagrecer! “O gengibre é termogênico, ou seja, aumenta a temperatura do organismo e acelera a queima de calorias. Já o limão é um rico antioxidante e tem propriedades digestivas. A combinação é um potente diurético natural!”, explica a nutricionista Roseli Ueno. O especialista Gabriel Cairo enfatiza: “Use o limão com a casca para aproveitar as fibras da fruta e potencializar o efeito de saciedade. Ao consumir o chá ao longo do dia, a gula e a ansiedade ficam controladas”. Os especialistas recomendam substituir a água por chá verde ou chá-mate, que também são termogênicos e diuréticos e intensificam ainda mais a queima de gordura! A recomendação de consumo é de 1 litro ao longo do dia.

Receita do chá
Ingredientes: ½ litro de água quente + 2 colheres (sopa) de raiz de gengibre ralada + ½ limão com casca

Modo de fazer: Aqueça a água e coloque o gengibre. Espere cinco minutos, acrescente o limão e bata tudo no liquidificador.

– Dica da nutricionista: Depois de bater, coloque gelo e beba em seguida, pois a casca do limão pode deixar um gosto amargo.

O cardápio da dieta
– Café da manhã: 1 fatia de pão integral + 1 fatia de queijo branco + 1 fatia de peito de peru + 1 iogurte desnatado light + 1 colher (sopa) de granola sem açúcar + 1 copo de suco de melancia // Dica da nutricionista: Prefira comer a fruta em vez de beber o suco.

– Lanche da manhã: 1 fruta // Dica da nutricionista: Alterne com uma barra de cereal ou um iogurte light.

– Almoço: 100 g de filé de frango grelhado + 2 colheres (sopa) de arroz integral + 2 colheres (sopa) de ervilha + Salada de legumes e alface à vontade

– Lanche da tarde: Salada de frutas com ½ colher (sopa) de mel + 5 amêndoas picadas // Dica da nutricionista: Se não gostar de amêndoas, opte por três nozes picadas e inclua uma castanha-do-pará para deixar o lanche mais rico em antioxidantes.

– Lanche pós-treino: 1 barrinha de proteína // Dica da nutricionista: Alterne com uma barra de cereal ou uma fruta.

– Jantar: 1 sanduíche natural com peito de frango desfiado + 2 fatias de pão integral + 1 colher (sopa) de cottage + 1 colher (sopa) de cenoura ralada + 2 azeitonas picadas + pedacinhos de salsão // Dica da nutricionista: No lugar do frango, use também atum.

Suco detox de couve: benefícios e receitas

A couve em si já traz inúmeros benefícios para a saúde, imagine então em um suco detox

Imagem: Suco detox de Kkolosov
O suco detox de couve ajuda o organismo a eliminar as toxinas e a emagrecer. Outros benefícios do suco detox são a melhora do aspecto da pele e controle do apetite, pois as fibras presentes na couve promovem um efeito saciante ao organismo, reduzindo o consumo de alimentos em excesso. As fibras também fazem com que a digestão seja mais lenta, dessa forma, o açúcar dos alimentos não é todo absorvido de uma só vez. O suco detox de couve também combate o intestino preso, deixando a pessoa mais disposta.

Leia também: Kifina funciona

Canudos descartáveis e as soluções possíveis
A couve em si já proporciona inúmeros benefícios: reduz a dor da menstruação, ajuda a curar ressaca, alivia a prisão de ventre, combate problemas digestivos, cálculo renal e bronquite, evita a má disposição, fortalece os ossos, auxilia na formação de hemoglobina e enzimas, no transporte de oxigênio para o corpo e no crescimento celular. Ajuda na coagulação do sangue, previne anemia, protege contra certos tipos de câncer, combate a artrite, asma e distúrbios autoimunes, diminui o nível de colesterol e é também um anti-inflamatório natural.

Leia também: Max Detox preço

Alimentos limpadores do sistema circulatório: mitos e verdades
Sabendo de todos esses benefícios do suco detox de couve para o nosso organismo, confira algumas sugestões de consumo.

Receitas de suco detox
Suco detox de couve com água de coco

Ingredientes
1/2 pepino;
1 pedaço de fruta da sua preferência;
Raminhos de hortelã;
1 pedaço de gengibre;
Folhas de couve;
Suco de limão;
Água de coco.
Modo de preparo
Bata todos os ingredientes no liquidificador. Beba sem coar.
Suco detox de couve com laranja, inhame e acerola

Leia também: Phytophen funciona

Ingredientes
2 folhas de couve;
2 inhames;
1/2 copo de acerola;
2 unidades de laranja.
Modo de preparo
Tire as sementes da acerola, descasque os inhames, corte tudo e tire as sementes e depois bata no liquidificador.
Suco detox de couve com maçã e cenoura

Ingredientes
Uma boa quantia de couve;
4 cenouras;
2 maçãs.
Modo de preparo
Colocar a couve com maçã e cenouras no liquidificador;
Adicione gelo ao suco para servir.
Suco de couve com limão e hortelã ou capim cidreira

Leia também: Farinha seca barriga funciona

Ingredientes
250 ml de água gelada;
1 ou 2 folhas de couve manteiga;
1 limão espremido;
Algumas folhas de hortelã ou 2 folhas de capim cidreira
Modo de preparo
Bata os ingredientes no liquidificador e não coe – para que as fibras não sejam perdidas;
A recomendação é tomar este suco duas vezes ao dia, de manhã ainda em jejum e à tarde.
Suco de couve com limão e kiwi

Ingredientes
1/2 pepino com casca;
1 kiwi;
Folhas de hortelã a gosto;
1/2 gengibre picado;
4 folhas de couve;
suco de 1 limão;
1 copo de água de coco.
Modo de preparo
Bata todos os ingredientes no liquidificador até obter umas mistura homogênea;
Sirva a seguir, sem coar;
Se quiser, adicione um pouco de óleo de coco;
Beba na hora para não perder as propriedades do suco.
Suco de couve com limão e melão

Ingredientes
Suco de 2 unidades de limão;
5 folhas de couve;
1 melão sem sementes picado.
Modo de preparo
Bata todos os ingredientes no liquidificador até obter uma mistura homogênea;
Sirva a seguir, sem coar;
Se quiser, adicione um pouco de mel para adoçar a bebida naturalmente;
Beba na hora para não perder as propriedades do suco.

Low Carb ou Fodmap: qual dieta combina com você?

Dieta Low Carb ou Fodmap? Saiba qual dieta combina mais com você e com o seu bem-estar
Ah, a era digital…. Quem nunca se sentiu mal com o próprio corpo ao ver aquelas fotos de mulheres de biquíni com uma barriga enxuta, ostentando pernas saradas e bumbum durinho? Atire a primeira pedra quem nunca se sentiu influenciada pelo discurso que se propaga nas redes sociais sobre terror dos carboidratos. Se você é do tipo que tem pavor de carboidratos, e se tem fixação na dieta Low Carb e já está contando as horas para aderir à Fodmap, então não perca essa matéria
Quem nunca se sentiu mal com o próprio corpo? Vivemos em uma era onde a propagação da beleza e do skinny body é constantemente associada a um corpo bonito e saudável. O mundo da internet contribui para isso, o que acaba estimulando a fixação pela magreza e principalmente o aumento dos índices de ansiedade e depressão em jovens e adultos, podendo levar a problemas ainda mais sérios como os transtornos alimentares. Se uma corrente de mulheres contribui para estimular com que a relação com a forma física ganhe outros olhos e palavras-chaves como empoderamento e aceitação estejam ficando cada vez mais em evidência, ainda é comum que corpos magros e sarados de blogueiras e digital influencers sejam sonho de consumo de muitas usuárias das redes sociais. Receitinhas de bolos e pães low carbs, macarrão de abobrinha e frutas só se for as berries.

Leia também: E-book 101 Receitas Low Carb

O mamão, coitado! Por ser rico em carboidrato, quase virou vilão. Todo cuidado é pouco ao aderir a uma dieta e é sempre bom ser acompanhado por um profissional especializado, já que a naturalização das restrições alimentares podem estar, na verdade, encobrindo alguns distúrbios. Purepeople entrevistou a nutricionista Nicole Magluf a fim de entender como a dieta do Fodmap se diferencia da dieta do Low Carb e alerta sobre a carbofobia. Confira!

Veja também

Daniel Rocha emagreceu 9 kg em um 1 mês para série: ‘Graças a dieta low carb’

Leia também: Farinha seca barriga funciona

Jejum intermitente: como funciona a dieta tolerável pelos nutricionistas

Acne solar: você sabe o que é? Dermatologista explica espinhas causadas pelo sol
FODMAP: POPULARMENTE CONHECIDA COMO ‘DIETA DOS ALIMENTOS FERMENTÁVEIS’
Sensação de muitos gases, distensões abdominais, episódios frequentes de diarreia ou diagnóstico de síndrome do intestino irritável? A boa notícia é que você pode se beneficiar bastante da estratégia dos Fodmaps. Mas do que se trata? Nada mais é do que uma estratégia voltada especialmente para pessoas que precisam melhorar a saúde do intestino, conforme explica Nicole Magluf: “O Fodmap é um grupo de carboidratos oligossacarídeos, dissacarídeos (lactose), monossacarídeos (frutose) que tem o poder de fermentar dentro do organismo de pessoas que apresentam dificuldades de digestão. Alimentos naturais como sucos de frutas (monossacarídeos), leite (dissacarídeo), cebola (oligossacarídeo) e lentilha (polissacarídeo) podem ser a razão da causa de alguns tipos de desconforto como gases, constipação e dores abdominais.” Segundo a especialista, o plano alimentar apresenta melhoras na saúde rapidamente e é bastante benéfico se seguido corretamente, melhorando na absorção dos minerais, na qualidade de vida e na disposição. A ingestão de alimentos ricos em carboidratos como abacate e o mel podem vir a ser problemáticos em pessoas com alguma dificuldade de absorção. Entretanto, antes de sair cortando todos esses alimentos (que são ótimos!) da sua rotina, consulte um profissional e veja se realmente existe a necessidade disso.

DIETA DO LOW CARB E SEUS MITOS
Criada especialmente para pessoas que têm excesso de ingestão de carboidrato, a dieta Low Carb é definida pelo baixo consumo do mesmo. Encontrados principalmente em vegetais ricos em amido, grãos e frutas, esse tipo de dieta enfatiza alimentos ricos em proteínas e gordura boas. “A estratégia dessa dieta se diferencia do Fodmap principalmente na questão da troca dos alimentos. No Fodmap, há a ingestão de raízes, grãos e fibras, que são considerados bons carboidratos, entretanto, não existe a ingestão de açúcar. Já na Low Carb, ocorre a diminuição dos carboidratos e não uma limitação, sendo considerada mais flexível”, explica a nutricionista. Apesar de ser uma estratégia adequada para quem quer perder peso, não tem um tempo fixo de tratamento. “A ideia da dieta low carb é fazer com que as pessoas indicadas percam o vício no açúcar, nos alimentos industrializados e na farinha branca. É um processo de reeducação alimentar que tem como objetivo fazer com que as pessoas se alimentem de maneira adequada”, conclui Nicole

CARBOFOBIA: NÃO CAIA NESSA!


Leia também: Kifina funciona
O mundo globalizado permitiu que as informações chegassem e fossem transmitidas com mais facilidade em tempo real. Entretanto, apesar de claramente ter seu lado positivo, o mundo conectado trouxe a onda das fake news que atinge milhares de pessoas a todo momento. Com a carbofobia não é diferente! Essa fobia, como o nome já sugere e que a atriz Isabella Santoni admite ter sofrido, é o medo do consumo dos carboidratos. “Ultimamente eles vêm sendo taxados como o grande vilão da alimentação, o que acaba se tornando muito contraditório, uma vez que os carboidratos são essenciais, além de serem considerados uma das primeiras fontes de energia ao organismo! As pessoas precisam por em mente que excluir o carboidrato não é a solução, e sim fazer a troca dos carboidratos simples, como açúcar e farinhas brancas por carboidratos saudáveis, de alto valor nutricional”, alerta Nicole. Além disso, uma dieta completamente restritiva acaba sendo a fonte da compulsão. Por isso, é preciso de atenção e principalmente, um acompanhamento especializado.

Leia também: Phytophen funciona

Massagem Modeladora (Redutora) – Perca Medidas e Melhore o Visual

Não só em pleno verão, mas em todas as épocas do ano no Brasil, mulheres sonham em estar com as formas em dia para fazer bonito nas festas, eventos e imprevistos de um país tropical que não para quieto nem impõe estações.

Por isso, para se sentir duplamente bem, é requisito básico encontrar maneiras saudáveis de manter o corpo em dia, trazendo também as vantagens de entregar-se a sessões corporais de relaxamento no mesmo pacote. Se essa descrição for tudo o que você estava procurando, saiba que pode encontrá-la aos detalhes na Massagem Modeladora.

O que é e como surgiu
Massagem, definitivamente é o ato milenar de promover a saúde física e mental. Ela harmoniza a pessoa, partindo do princípio que um problema estético começa com um desiquilíbrio energético.
A Massagem Modeladora é uma técnica que usa manobras manuais feitas intensamente na pele do massageado. Conhecida como rápida e precisa, tem a função de prevenir, tratar e conservar a pele. Seu objetivo principal é atingir as camadas mais profundas da derme, atuando na circulação para a melhora do metabolismo local.

Sendo assim, ela é muito eficiente contra a celulite, podendo-se utilizar também objetos com textura para aprofundar a experiência da massagem. Alguns afirmam ser possível a quebra de gorduras, porém tal declaração é um mito, pois muitos médicos confirmam que é impossível a quebra de gorduras com o movimento das mãos. O fato é que essa massagem melhora a circulação e o aspecto do corpo, diferenciando-se pelos movimentos vigorosos e efeito temporário. É uma ótima opção de tratamento estético, tanto para o terapeuta quanto para o cliente. Outros nomes dados a essa técnica são massagem Power, Turbinada, Lipoescultura com as Mãos e a famosa Redutora.

Entre as famosas que aderiram a essa técnica, estão mulheres lindas que prezam a saúde e sustentam corpos maravilhosos, dignos de qualquer ocasião. Como Fernanda Souza, Preta Gil, Taís Araújo, Sabrina Sato entre muitas outras de diferentes medidas que sabem o que querem e são exatamente como você. Sendo assim, não tenha medo nem se retraia achando que não surtirá resultados. Basta querer de verdade e se lançar com confiança e otimismo aos bons efeitos. O espelho não vai querer te largar, assim como a felicidade e a alto-estima estarão pairando no topo.

Indicações
Como já descrito, a Massagem Modeladora é indicada para moldar melhor o corpo. Ela reduz a gordura de regiões como barriga, coxas e glúteo. Especificamente, nas partes do corpo que demoram mais para confirmar resultados, até quando há pratica de exercícios físicos e alimentação saudável.

Esse tipo de massagem deve ser buscada quando nota-se a difícil perda de gordura localizada, mesmo com intensos hábitos sadios e atividades físicas.

Assim, o massageado terá como benefício à melhora da circulação sanguínea e a nula presença de inchaços, além do bom resultado no tratamento da celulite leve e moderada, flacidez e na redução de medidas.

Profissionais capacitados que tenham o conhecimento anatômico da técnica como massoterapeutas, fisioterapeutas e esteticistas são os mais indicados para aplicar a Massagem Modeladora. Pode ser feita de 1 a 3 vezes por semana com duração entre 45 minutos a 1 hora, porém tanto a frequência quanto o tempo de duração variam e ficam a critério das necessidades do cliente.

Principais Benefícios
Os benefícios dessa massagem são vários. Tanto na estética corporal quanto para a saúde, apresentado melhoras notáveis e resultados satisfatórios no decorrer das aplicações. Uma dica eficiente é utilizar cremes contra celulite durante a ação, para potencializar os efeitos da massagem.

Então, entre os maiores benefícios podemos destacar:

Perda de peso com eliminação de gordura
Combate a gordura localizada que pode se originar de fatores hormonais, hereditários, da má alimentação ou do sedentarismo. Apenas com as mãos e cremes específicos, um dos efeitos da massagem é a exclusão de gordura e consequentemente a perda de peso.

Perda de medida na modelagem do corpo
A técnica esculpe o corpo e reduz medidas apenas com as mãos, sem a necessidade de aparelhos ou procedimentos cirúrgicos. O segredo está nos movimentos rápidos de amassamento e deslizamento dos dedos sob a pele, desmanchando a gordura no interior das células. Dependendo da parte do corpo trabalhada, pode perder de 2 a 5 centímetros de gordura.

Melhora da circulação sanguínea
A ação ajuda no aumento da circulação sanguínea, contribuindo para o relaxamento dos músculos e alívio das tensões ocorridas pelo estresse diariamente. É muito utilizada depois das sessões de Manthus ou de lipocavitação, pois o aumento da circulação gera maior queima de gordura que foi implodida por esses processos e absorvida, mais tarde, pela corrente sanguínea.

Renova as células da pele
Essa técnica atinge camadas profundas de tecido, renovando as células da pele, atenuando a celulite e, por sua vez, também melhorando a elasticidade da derme contra a flacidez.

Exclui as toxinas do organismo
A massagem intensa ajuda com que as toxinas do corpo sejam transportadas para a corrente sanguínea, e em seguida, eliminadas através da urina e do suor.

Ajuda na função intestinal
O procedimento tem o objetivo de eliminar gorduras indesejadas através da corrente sanguínea e posteriormente pelas urinas e fezes, porém tal processo ajuda na função intestinal que fica mais ativa e saudável tanto pela ação da massagem quanto pela eliminação contínua de impurezas.

Elimina a retenção de líquidos que provocam inchaço
Essa técnica agrega diferentes funções de exclusão corporal, entre eles, líquidos retidos, visando uma vida mais saudável e medidas menores sem a presença de inchaços.

Muitas pessoas têm procurado a Massagem Modeladora por seus benefícios cada vez mais eficazes. Porém, vale lembrar, que a experiência de profissionais qualificados pode trazer melhor desempenho e resposta ao tratamento. Também, é importante saber que essa massagem não é um procedimento emagrecedor e sim redutor de medidas, com a função de eliminar gordura localizada. Além de que não deve ser confundida com Drenagem Linfática, que se assemelha em alguns objetivos, mas possui toques bem diferentes.

Contra Indicações
Infelizmente, nem todas as pessoas podem se lançar a esse procedimento com segurança. Pois indivíduos que sofrem com cardiopatias e hipertensão são contraindicados por causa da vasodilatação que promove o aumento da pressão arterial. Pessoas em estado de febre também devem evitar a massagem pela elevação da temperatura. Já os portadores de osteoporose, podem sofrer fraturas ou micro fraturas devido à fragilidade óssea.

Quem tem varizes ou fraqueza capilar também pertence ao grupo dos contra indicados, pois os movimentos vigorosos podem romper os vasinhos e provocar hematomas e até varizes, em casos extremos. Gestantes estão proibidas de realizar a massagem por conter movimentos fortes que prejudicariam a gravides com complicações precoces e abortos.

Lembrando que para todos os outros casos a Massagem Modeladora é livre. Fora as situações citadas acima, riscos irão ocorrer se as contra indicações não forem respeitadas ou o aplicador não for qualificado para realizar o procedimento.

Recomendações para potencializar os efeitos positivos
Para se potencializar os efeitos da Massagem Modeladora, será preciso alguns acompanhamentos que vitalizem o corpo e façam com que os efeitos sejam ainda mais perceptíveis. Fatores como uma alimentação balanceada, por exemplo, que ajudam a manter o corpo em forma, eliminando as calorias em excesso. Calorias essas que mais tarde se transformarão em gordura e, por fim, nos incômodos pneuzinhos.

Consumir macros nutrientes de maneira responsável (gorduras, carboidratos, proteínas), com a finalidade de sustentar a energia gasta ao longo do dia, é o melhor jeito de equilibrar as formas sem a necessidade de ficar repondo gorduras.

Atividades físicas é outra recomendação indispensável na guerra pelo esbelto perfeito. Afinal, a melhor forma de transformar massa gorda em magra é através da prática de exercícios físicos.

Aliar cremes e outros produtos de efeito no combate da celulite ativos na pele, também é uma dica para fortalecer os resultados da Massagem Modeladora. Assim, com todos os cuidados, o procedimento ficará acentuado por muito mais tempo e você mais linda e satisfeita.

Como é feita
Com movimentos mais enérgicos que na Drenagem Linfática, feitos de maneira rápida e firme. Usa em sua aplicação movimentos como o amassamento, o deslizamento, pinçamento e a percussão para se estabelecer. Costumeiramente, a massagem fica restrita a áreas com acúmulo de gordura como abdômen, quadris, culote, glúteos, coxas e até braços.

Pode haver alguma dor no processo, mas não deve passar de simples desconforto. Jamais o procedimento deverá deixar hematomas. Isso é prova de que foi executado de forma errada, aplicando muita pressão à região, podendo ser prejudicial aos locais afetados. Manchas roxas indicam má oxigenação da área, indo contra os fundamentos da técnica.

Sessões – Devem acontecer entre uma ou duas vezes por semana com sessões contínuas para não perder o resultado através de manutenção. Porém, em clientes que respeitam as normas de alimentação regulada e a prática de exercícios físicos, indicam-se sessões a cada 15, 20 dias após a obtenção da forma esperada. Nesses casos, cada episódio pode durar de 30 a 40 minutos com intervalos de 48 a 72 horas para cada aplicação, mas quem determinará de fato o número de sessões semanais e a duração de cada uma será o profissional responsável pelo tratamento.

Cuidados antes da execução – Por ser realizada com cosméticos termogênicos (que aquecem e estimulam o metabolismo local), é recomendada a esfoliação corporal uma vez por semana, com a finalidade de se conseguir uma maior penetração dos princípios ativos que esses produtos possuem.

Se o local escolhido para a massagem for o abdômen, é indicado que o massageado não coma antes da sessão, pois os movimentos robustos aplicados com intensidade na região podem provocar refluxo e até vômito durante o processo. Alimentação leve seguida de jejum de 1 hora e meia basta.

Cuidados após a execução – O ideal é deixar os cremes usados na Massagem Modeladora por até 2 horas depois da aplicação para que possa agir por maior tempo, trazendo benefícios redobrados a pele. Praticar uma atividade física aeróbica durante esse período também pode potencializar os efeitos da massagem.

Diferenças entre a Drenagem Linfática e Massagem Modeladora
Enquanto na Drenagem Linfática a principal função é fazer a desintoxicação do sistema linfático, na Massagem Modeladora o objetivo é reorganizar e modelar o tecido adiposo.

A Drenagem é indicada para quem possui qualquer tipo de retenção de líquido, pessoas no pós-operatório de cirurgia plástica ou que apresente caso de elefantíase. Já a Modeladora, é ideal para quem malha, mas não consegue eliminar a gordurinha de algumas regiões através de atividade física.

Leia também: massagem redutora é bom

Na Drenagem é possível notar resultados de diminuição do inchaço já na primeira sessão. Na Modeladora, vai depender do tamanho da camada de gordura para ser eliminada, embora também possa surtir efeito na primeira aplicação.

Na Linfática não deve doer, se isso acontecer, pode estar havendo a execução de muita força e o massageado pode ter uma lesão no sistema linfático. Na Modeladora, pode no máximo, causar um leve desconforto, mais que isso poderá causar problemas e hematomas.

Leia também: Kifina é bom

A Drenagem Linfática é autorizada para as gestantes, enquanto a Modeladora é proibida pela robustez da massagem no movimento das mãos.

Onde fazer
Uma importante questão para discutir, antes de qualquer providência a ser tomada, é onde fazer a Massagem Modeladora de forma a trazer os reais benefícios de uma aplicação segura com efeitos melhoradores do corpo e da alta estima. Pois existe no mercado todo o tipo de profissionais, prometendo maravilhas que não sabem executar e até charlatões que inventam processos milagrosos que não funcionam, colocando a vida em risco e chamam de Massagem Modeladora para atrair clientela.

Leia também: Phytophen é bom

É preciso escolher um espaço de confiança, que transpareça suas verdadeiras condições de credibilidade e capacidade. Com os melhores e mais competentes profissionais treinados que entendem a fisiologia e anatomia do corpo, além de preços cabíveis a execução dos tratamentos. Condições assim você só encontra na Esmalteria Nerfetari, uma das melhores do mercado para a aplicação de procedimentos estéticos que envolvem além da beldade, também a saúde que não pode ficar de fora quando o assunto é beleza.

Leia também: Farinha seca barriga é bom

Kombucha: chá milenar para uma vida mais saudável

Bebida fermentada virou mania na internet e é feita a partir de uma cultura de microrganismos probióticos

Se você já é adepto de um estilo de vida natural e gosta de novidades, já deve ter ouvido falar do kombucha (pronuncia-se “kombutchá”). Na verdade, apesar de estar em alta, a bebida não é nem um pouco nova, já que “sua origem teve os primeiros relatos registrados em 221 a.C., na China”, de acordo com a nutricionista Elaine de Pádua. Porém, só agora ela vem se popularizando, graças ao movimento de muitas pessoas em busca de uma vida mais saudável.

A bebida de nome complicado, cuja aparência é similar a um refrigerante natural, se trata de um chá fermentado com sabor ácido e adocicado. “O kombucha é resultado de uma cultura de microrganismos chamada cogumelo de kombucha, zoogleia ou biofilme”, conta a nutricionista Natasha Barros.

Saiba mais: Compare os nutrientes e os benefícios de 14 chás
Também é muito comum encontrar na internet essa cultura sendo chamada de “scoby” e sua aparência é similar à de uma panqueca pegajosa, podendo ser um pouco estranho à primeira vista. “A bebida é fermentada por uma massa de microrganismos presente em chás como o verde, mate ou preto e é misturada com água e açúcar”, detalha Elaine.

Benefícios do Kombucha
Consumir essa bebida pode trazer benefícios diversos para o organismo e Natasha explica porquê: “O kombucha é probiótico e possui alto índice de antioxidantes, além de muitas vitaminas do complexo B. Essa bebida é, na verdade, uma combinação estratégica de bactérias boas e leveduras”.

Além disso, a bebida auxilia a prevenção e recuperação de lesões nas articulações e, graças às vitaminas e probióticos presentes, também pode ser bastante importante para o sistema imunitário. “Ela realiza uma espécie de ‘proteção celular’ em caso de inflamações e diminuição das defesas. O chá ainda pode ajudar no processo digestivo”, revela Natasha.

Eliane completa dizendo que a bebida probiótica ajuda na melhora da pele e no auxílio ao emagrecimento, além de desintoxicar o organismo, melhorar o funcionamento intestinal, a absorção de nutrientes e a diminuição de alergia e intolerâncias alimentares”.

Outro ponto positivo é a energia que a bebida oferece no dia a dia, quando consumido regularmente. “Isso se deve ao ferro resultante da fermentação, que melhora o transporte de oxigênio no sangue, e pela teína, que é o equivalente da cafeína presente no chá”, completa Natasha.

Leia também: comprar Kombucha

Como ter o seu kombucha

scoby, kombucha – Foto: Thinkstock
A forma mais comum de se obter uma pequena colônia é pela doação, conhecendo alguém que já tenha o kombucha. Esse sistema é o mesmo seguido por quem tem kefir, uma vez que eles crescem e se multiplicam. Se você não conhece ninguém que tem, vale entrar em grupos e fóruns da internet onde pessoas que são adeptas da bebida estão reunidas. Quem sabe não acaba encontrando alguém do seu bairro que possa doar?

Leia também: Phytophen funciona

Como consumir o Kombucha
Por ser probiótica e ter propriedades tão poderosas, a bebida deve ser consumida de forma controlada. Elaine recomenda cautela na quantidade: “É importante lembrar que o consumo não deve ultrapassar mais 300 ml por dia, em adultos”, diz ela. Além disso, comece com menores quantidades e vá aumentando o consumo com o passar dos dias.

Leia também: Kifina

Saiba mais: Chá entre as refeições pode ser um santo remédio
Existem muitas receitas na internet sobre como fazer o chá de kombucha e, inclusive, as pessoas que doam o scoby costumam instruir quem recebe a doação sobre como realizar o procedimento que pode ser um pouco complexo. O processo consiste, basicamente, em deixar o scoby fermentando dentro do chá adoçado por alguns dias.

O tempo necessário vai variar de acordo com a temperatura do lugar onde se mora e é preciso ir experimentando até notar que a bebida conquistou um sabor levemente azedinho e adocicado, agradável de tomar. Quando a bebida ficar fermentando tempo demais, a tendência é que o sabor fique parecido com um vinagre e isso é sinal de que não está bom para consumo.

Contraindicações do Kombucha
“O kombucha pode ser prejudicial para pessoas hemofílicas e mulheres grávidas ou que estão amamentando. No período de amamentação, ele pode atuar como um potente laxante no sistema digestivo do bebê, o que é prejudicial. Além disso, se durante o preparo o chá mofar e for contaminado por fungos ou bactérias ruins e pode fazer mal à saúde. Ele é contraindicado para diabéticos, gestantes, lactentes, hipertensos, pessoas com problemas gástricos e crianças menores de 6 anos”, ressalta Natasha.

5 farinhas que emagrecem e como tirar proveito delas

Perder peso com saúde requer cuidados com alimentação e atividade física. As farinhas que emagrecem são práticas e podem fazer parte da dieta porque contém fibras e nutrientes que facilitam o emagrecimento saudável. Veja hoje quais as melhores aliadas da sua boa forma.

De um modo geral, as farinhas que emagrecem servem para saciar a fome e equilibrar o metabolismo, diminuindo, portanto, a absorção de gordura e açúcar pelo nosso corpo.

Farinhas emagrecedoras auxiliam na regulação do apetite, uma vez que atrasam o esvaziamento do estômago, isto é, a demoramos mais a sentir fome. Além disso, a presença de fibras promove uma verdadeira “faxina” no organismo, e ainda aumenta a assimilação de vitaminas e minerais.

Com a melhora do funcionamento corporal como um todo, a perda de peso fica mais fácil.

O ideal para observar resultados consistentes é consumir farinhas que emagrecem com frequência. E beber bastante água para otimizar a ação das fibras. Mas você sabe quais produtos são mais indicados para auxiliar na eliminação de uns quilinhos? Dá uma olhada nas dicas abaixo:

1. Banana-verde – a presença de amido resistente faz cair a carga glicêmica da refeição. Com isso, evitamos os chamados picos de açúcar no sangue e o aumento da síntese de insulina. O excesso deste hormônio leva o organismo a armazenar gordura.

O amido resistente colabora também no funcionamento intestinal, favorecendo a perda de peso. Outra vantagem da farinha que emagrece de banana-verde é seu sabor neutro, permitindo melhor aproveitamento dela em diversas receitas e até substituindo a farinha de trigo.

2. Berinjela – a farinha de berinjela é rica em fibras, vitaminas A, C e do complexo B, ajudando a regular o intestino, proporcionar sensação de saciedade, melhorar a visão e as defesas do corpo. Sem falar que o legume contém muita água e pouca gordura, além de trazer em sua casca elementos capazes de agir na prevenção do câncer.

3. Feijão-branco – O feijão-branco fornece faseolamina A, uma proteína inibidora da digestão dos carboidratos e que reduz a absorção de açúcares. Esta farinha que emagrece pode diminuir em até 20% a quantidade de carboidratos assimilados durante as refeições. Funciona como se estivéssemos comendo uma porção menor do que a que de fato estamos.

Outro benefício da farinha de feijão-branco é a presença de grande quantidade de fibra, estimulando a velocidade do trânsito intestinal e o metabolismo – essenciais ao processo de emagrecimento.

4. Linhaça – é uma das mais recomendadas para quem deseja uma cinturinha mais fina. A farinha de linhaça é a queridinha da redução abdominal porque torna o ômega 3 contido nas sementes mais acessível e diminui a inflamação das células. Existe ainda o benefício dessa gordura boa enquanto agente sobre a leptina, o hormônio que controla o apetite.

A dica é triturar as sementes de linhaça em casa para preservar o ômega 3. Você pode comprar a farinha estabilizada também, mas lembre-se de guardá-la em pote escuro e na geladeira para manter seus ativos.

5. Maracujá – fibra, por si só, já é um aliado da saciedade. No entanto, a farinha de maracujá é emagrecedora de um jeito especial: sua fibra, a pectina, é do tipo insolúvel. Isso quer dizer que ela tem a capacidade de absorver líquido e virar uma espécie de gel, que retém o bolo alimentar no estômago e intestino por mais tempo.

Resultado: lentidão maior no processo de absorção dos nutrientes e, assim, sensação de saciedade prolongada. Ou seja, menos fome e consumo de calorias.

Formas de consumir e mais orientações sobre as farinhas que emagrecem

Leia também: comprar Farinha seca barriga

As farinhas emagrecedoras podem ser acrescentadas às refeições principais ou aos sucos, iogurte e frutas, entre outros preparos e alimentos. Normalmente, 2 colheres de sopa da farinha por dia já bastam para ajudar na perda de peso.

Escolher dois ou três tipos delas é interessante para garantir diferentes nutrientes.
Ao comprar o produto, dê preferência a farinhas de boa procedência, com identificação, armazenamento correto, pois o acondicionamento errado pode levar à oxidação de alguns tipos, tornando a farinha inadequada para o consumo.

Leia também: Phytophen funciona

Importante: farinhas que emagrecem são coadjuvantes. É preciso manter uma alimentação saudável e fazer exercícios físicos com regularidade para conquistar o peso ideal. Elas também não devem substituir refeições. Consulte sempre um nutricionista e seu médico.